Produto adicionado

Ir para o carrinho de compras
Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap
Miniatura - Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap Miniatura - Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap Miniatura - Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap Miniatura - Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap Miniatura - Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap

Sementes de Dionaea muscipula - Vênus Flytrap

R$ 13,90 R$ 13,21 (-5%) no Depósito

Selecione uma opção em cada um dos campos abaixo

Quantidade de sementes
  • 5 sementes
  • 10 sementes
Disponibilidade:
Imediata

Código: 518

Peso: 0.001kg
Embalagem: 0.1cm x 0.1cm x 0.1cm


  Adicionar aos favoritos

  Adicionar à sua lista de presentes

Acompanha Manual de Cultivo impresso.

Sementes da planta carnívora Dionaea muscipula. O seu movimento rápido ao apanhar a presa é um fenômeno único no mundo vegetal. As Dionaea encontram-se na natureza nos Estados Unidos nos pântanos da Carolina do Norte de do Sul. O solo é muito úmido, mas não saturado em água. Solo muito pobre é ácido (PH 4-5). Ela está presente nesse local ao lado de outras carnívoras como a Drosera, Pinguicula, Saracenia e Urticularia.

Pode chegar a viver 20 Anos na natureza. A planta dispõe de rizomas que podem enterrar-se até 10cm , permitindo resistir aos fogos, "renascendo" depois de eles passarem. Na parte superior do rizoma formam-se 4 a 8 folhas em roseta, que são constantemente renovadas quando uma delas morre.

A característica mais visível é a folha em forma de mandíbula com 15 a 20 longos "dentes". A folha é verde se a meia-luz e vermelha com sol direto. O tamanho da folha varia conforme a intensidade de luz. Com luz solar direta a dionaea apresenta orgulhosamente as suas mais belas cores.

Em Junho aparece no coração da planta, o caule da sua flor, este inicio em breve chegará a 20 ou mesmo 30 cm de altura acabando com umas flores brancas. A não ser que pretenda obter sementes, deve cortar imediatamente o caule que origina as flores, o crescimento das mesmas necessidades de muita energia e a planta irá ressentir-se. Não é raro a planta morrer após o aparecimento das sementes.

 Como captura os insetos

Nos lados das folha umas gandulas segregam néctar que atrai os insetos e no interior da "mandíbulas" numa zona avermelhada encontramos as digestivas. Se observarmos minuciosamente encontramos três pequenos pelos de cada lado da folha. Esses são os pelos táctil que permitem à planta saber se está na presença de um inseto.

A "mandíbula" fecha se dois desses pelos foram cativados simultaneamente ou se um dos pelos for tocado duas vezes seguidas. As folhas dispões de uma força considerável, tanta que por vezes as vitimas morrem esmagadas com o impacto. Este mecanismo funciona quatro ou cinco vezes, depois morre e surge uma nova folha.

Período de repouso

Entre o fim de Março e os meados de Outubro a dionaea tem o seu período de crescimento, passado o qual deve repousar durante o Inverno. Mesmo que a planta possa agüentar temperaturas negativas (-5 ou mesmo -7) na natureza, em vasos ela é muito mais sensível.

Durante o Inverno coloque a planta em estufa-fria com 4 a 12ºC. Se não respeitar o período de repouso, colocando a planta no interior de casa com temperaturas superiores, a planta irá sobreviver sem problemas, mas a sua longevidade será encurtada em muitos anos. Durante o verão se a temperatura for superior a 25ºC, coloque um prato com água embaixo do vaso.

Se pretende visualizar o fantástico mecanismo desta planta, utilize unicamente insetos! Não faça fechar a folha com os dedos, a energia dispendida na operação é grande e a planta irá ressentir-se. E depois de 4 ou 5 vezes a folha irá morrer.

Produtos relacionados
Garden Mania Sementes e Mudas - CPF: 014.093.120-11 © 2018 Todos os direitos reservados Plataforma E-Com Club